Um filme saiu da cabeça pra telinha.

Leia Mais

O Domingo Nosso de Cada Dia



Domingo é dia de descanso
É dia daqueles que passa manso
Domingo que cai na segunda
Que o tempo rende,  a hora abunda
Tem terça que Domingo é
Dia de cinema, beijo, andar a pé
A gente marca um domingo quarta, agora
no quarto, sem saber se existe vida lá fora
Domingo de quinta a gente emenda 
corpos largados ao sol, oferendas
esperando que a sexta que vier
nos traga um novo Domingo qualquer
Sábado é véspera de mais um domingo
Basta estar com você pra ser um dia lindo

Domingo na terra da garoa
a gente liga o ar e fica na boa...
A semana começa, muito menos vazia
Com Domingo Nosso de Cada Dia
Ler Mais

Sob a constelação de Coelho Neto


No trem que atravesso 
a cidade brilhante
mudam as estações, 
mas o frio é constante
quanto mais aproxima meu destino
mais vou ficando distante...

No trem que dilacera
a noite em milhões de diamantes
jovens bebem daquela besteira
entorpeço no teu cheiro embriagante
são sinais trocados, trocando direções
quanto mais sigo em frente

No vagão que recorta
o escuro dilacerante
os sorrisos são 
como estrelas decadentes vacilantes
que você vê daquele outro país
nesse momento, nesse mesmo instante

No trem que chega
onde eu quero finalmente
troca a próxima estação
o sol some por instantes
no escuro sinto meu corpo descer aqui
enquanto sabe que tem que ir adiante

O trem parte veloz
destroça o escuro flamejante 
dele sombras brotam, crescem, se espalham
nas cores do ciúme, naquele tom tocante
deito sobre os trilhos, que são como seu colo
ali espero pelo sono reconfortante


Sabendo que nada 
será simples como antes
Sabendo que tudo
é uma verdade vacilante
Sabendo que as estrelas 
em Coelho Neto
Nunca serão uma constelação 
que vai guiar um viajante


Sabendo que nada 
será simples como antes
Sabendo que tudo
talvez seja uma mentira fascinante
Sabendo sem ilusões que 
a poeira do choque de nossos planetas
nunca irá encobrir 
o que fizemos de marcante

Sabendo que as estrelas 
em Coelho Neto
Nunca darão uma constelação
de brilho fulminante
Sabendo que as estrelas 
em Coelho Neto
Nunca serão uma constelação 
das mais importantes... 
Ler Mais

Cumpleaños Solar



Dias de Paixão no Rio
que passam no seu sorriso
reflete aquele azul 
do nosso céu tão lindo

Dias de Paixão no cio
na cama sem local vazio
de um calor que deixa
o sol despeitado e frio

Dias de Paixão no paraíso
dormir na sombra do seu brilho
compreender e me espalhar
por seu paraíso

Saudade é aquilo que eu sentia
antes de saber que você existia
Ler Mais

CataVentos



Fragmentos
são pequenos
pedaços de
momentos

Lamentos
são nacos
de mágoa
ao vento

Tormentos 
são restos
raivosos em
cozimento

Ressentimentos
são cacos
pontiagudos de
sofrimento

Esquecimento
são raspas
do que foi 
seu senso

Ferimentos
são sobras
daquele amor
intenso

Catavento
seu riso
solto lá no
firmamento
Ler Mais

Na Ponta da Lingua



Beijo calado
tesão falado
diz tudo
que se quer
vem conversar
mulher

Nas línguas calam
o que as partes falam
no idioma
que se quer
vem bater papo
mulher
Ler Mais

Samba



Nela 
tudo posso
tudo passa
o passado
ultrapassa
as possibilidades
e tropeço
no seu passo
falsa passista
fixo pensamento
atropela na pressa
o passante

e penso
que ela expressa

o pulso
no compasso 

dela.
Ler Mais

Marcadores

3G (1) A Fábula do Pé Sujo (1) A Fábula do Pé Sujo. (1) A Lápide (1) A Tal da Portabilidade (1) A Unidos dos Dois na Sala (1) A Virada do Ano (1) aeromoça (1) aladin (1) Amor a primeira vista (2) amores impossíveis (1) ano novo (1) Arrumação (Em Cadeados) (1) As Cores Dela nas Paredes da Cabeça Dele (1) As Sereias da Estante (1) Assalto (1) Até que a morte nos separe. (2) avião (1) Bacon (1) barrinha e cereal (1) Bonecas (2) Cabeça (1) cachorro (1) Cadê Deni”zs”e? (1) Caixa Preta (1) caos aéreo (1) carros (1) cereser (1) circo (1) Com Deus Só a Vista. (1) concurso (1) construir (1) conto (16) Conto de amor (1) Contos do Rio (3) Copa do Mundo (1) Copacabana (1) Coração Roubado (1) Cortazar (1) cronica (1) Crônica (1) Crônicas (1) Céu de Cereal (1) desejo (1) Dia de Mãe (1) Dia dos Namorados (2) ditos (1) Do Frio e Branco Azulejo (1) Do Ponto de Vista da Inveja (2) Dos seus saltos (1) Encontros (1) engarrafamento (1) Engolir Palavras (1) espumante (1) Existe Vida após a Morte. (1) fantasia (1) farol (1) Fred (1) Fundo do Poço (1) Ginger (1) gênio (1) Hamburguer (1) humor (6) Idéias (1) Kama $utra (1) linchamento (1) luz no fim do túnel (1) lâmpada (1) Maradona (1) Marias Chuteiras (1) Me acertou em cheiro (1) menage (1) Mentirinha (1) Mil e uma noites (1) Moleque de Rua (1) Musical (1) Mãe (1) Mãe e Filha (1) O Buraco (1) O Cão de olhos com brilho de diamantes (1) O Engolidor de Palavras (2) O Globo (1) O Gênio Ombudsman (2) O Homem que Não Queria Ir a Copa do Mundo (1) O Que Não é Mais Gente (1) O T da Questão (1) O Último Dia (1) obra (1) Obras (1) orelhão (1) Os cílios postiços dos postes da avenida (1) Passatempo (1) Pensamento (1) pião (1) poema (7) poesia (6) Portabilidade (2) prosa (1) pão doce (1) Quando Ela Perguntou a Ele se estava caindo (1) revertere ad locum tuum (1) rosquinha (1) Saindo do armário (2) Sobre a última Estação. poesia (1) soco (1) sonha-me (1) suruba (1) swing (1) tecnologia (1) Teu Esmalte (1) Teu jogo (1) Top Blog (1) Traição (1) troca de casal (1) trocando de mulher (1) Técnico de Futebol (1) Ursula Andrews (1) Vida (2) vida de cão (1) Vida de Operário (1) Vida. (1) Vingança na carne (1) violência (1)